Comerciantes de Uiramutã reclamam de barreiras montadas por indígenas

Motivo das barreiras é para impedir a entrada de bebidas alcoólicas na região

Comerciantes de Uiramutã reclamam de barreiras montadas por indígenas
Vídeos mostram indígenas armados com arco e flecha em barreira – Reprodução

Barreiras montadas por indígenas das comunidades Surumú e Urucuri, na Raposa Serra do Sol, em Uiramutã, têm incomodado visitantes, moradores e comerciantes da região.

Os bloqueios foram montados para impedir a entrada de bebidas alcoólicas, mas segundo os denunciantes, outros tipos de mercadorias estariam sendo tomadas.

A comerciante Marilene Costa explica que há abuso na fiscalização, pois os indígenas não possuem nenhum documento que comprove o poder de polícia. De acordo com ela, normalmente os comerciantes levam para a sede do município mercadorias como gêneros alimentícios.

“Eles abusam do poder, querem abrir o carro, ver a coisa que tem dentro. Eles impedem a gente passar, deixam horas e horas parado e aí às vezes é um abuso mesmo porque eu creio que não tem essa autonomia toda pra tudo isso, né?” contou.

Outro comerciante, a Núbia Cunha, classifica as barreiras na região como constrangedoras, pois os mesmos tem agido como se fossem as autoridades da localidade.

“Eles se vestem como policiais, estão armados de arco e flecha e nos intimidam de certa forma que é constrangedor. É inadmissível, porque estão tirando de nós um direito de ir, um direito que é nosso, tanto pela legislação como pela constituição”, disse.

Proteção dos Indígenas

Para o coordenador-geral do Conselho Indígena de Roraima (CIR), Edinho Batista, as barreiras são uma forma de proteger a região.

“É uma iniciativa das comunidades indígenas na ausência do poder público. É um espaço que deveria está instalada por meio de um decreto, uma barreira de fiscalização da FUNAI que só não foi feito devido a essa grande política que retrocede os direitos dos povos indígenas no Brasil do Governo Bolsonaro, mas existe uma portaria para ser instalada essa base de fiscalização lá”, destacou o coordenador.

Conflitos

No dia 15 de julho, o Roraima em Tempo, teve acesso a um vídeo que mostra uma discussão entre motoristas e indígenas em uma barreira montada na mesma região, perto da Comunidade São Mateus. 

Nas imagens é possível ver o momento em que mercadorias acabam retidas. O bloqueio ocorre na RR-171, que liga Boa Vista ao Uiramutã.

Entenda

As críticas sobre a ação dos indígenas não são recentes. A princípio, a Sociedade de Defesa dos Índios Unidos de Roraima (Sodiurr) tentou acabar com a barreira em março.

O Tribunal de Justiça mandou informar o Ministério Público Federal, a Fundação Nacional do Índio, o Governo do Estado e a Prefeitura de Uiramutã. Contudo, ainda não tem uma decisão sobre o caso.

Por sua vez, o Governo alegou que não sabia do processo, e que espera que tudo se resolva da melhor forma, para evitar conflitos.

Fonte: Rádio 93 FM

Veja também

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x