Estudante de RR consegue mestrado na França e pede ajuda para viajar

Ezequias está vendendo livros e pedindo ajuda em vaquinha virtual para comprar passagens

Estudante de RR consegue mestrado na França e pede ajuda para viajar
Ezequias quer ajuda para comprar passagens de Roraima para França – Foto: Arquivo pessoal

“Sonho com isso há quase 5 anos desde que comecei a estudar o Francês”, diz o estudante Ezequias Guimarães, de 24 anos. A declaração vem depois da recente matrícula na Université de Poitiers, na França.

Mas a alegria tem por trás uma corrida contra o tempo para deixar o Brasil. Ele está vendendo livros e pedindo ajuda em uma vaquinha virtual para comprar as passagens.

Acesse a vaquinha de Ezequias

Veja livros à venda

Pix: [email protected]

O estudante passou no mestrado em três universidades francesas. Ele disse que devido à pandemia, a aceitação na universidade só chegou em julho deste ano.

O custo de vida alto em Paris, capital francesa, fez ele decidir pelos estudos de Ciências da Terra, dos Planetas e do Meio Ambiente na Université de Poitiers.

Contudo, as aulas começam em setembro deste ano. Ou seja, a vida de Ezequias, formado em geologia pela Universidade Federal de Roraima (UFRR), mudou da noite para o dia.

Candidatura do estudante

Ao Roraima em Tempo, ele lembra que a candidatura às universidades começou ainda em 2020, mas a Covid-19 fez as instituições de ensino suspenderem as aulas. Agora, em 2021, o semestre foi retomado.

“Me candidatei em sete instituições. Todos os dias eu atualizava o site para saber se tinha passado, ficava ansioso. Quando recebi a primeira resposta negativa fiquei frustrado, mas depois recebi o primeiro aceite e fiquei calmo. No fim, passei em três universidades. A que eu queria era Sorbonne, em Paris, mas o custo de vida lá é alto . Ela é segunda melhor da França no ranking Shangai 2021. Entretanto, escolhi a Université de Poitiers“, fala.

Ele diz que iniciou os estudos na língua francesa no ano de 2016. Desde então, vem planejando estudar fora do país. Foi aí que descobriu a possibilidade de estudar um mestrado na França.

“A ideia só foi crescendo dentro de mim. Em 2018, fiz um teste em Manaus, depois continuei estudando para receber o diploma em Manaus. Esse foi o primeiro passo para a minha candidatura: comprovar a fluência”, conta.

Matrícula

Ezequias explica que o processo após ser aceito não foi fácil. Somente neste mês ele conseguiu se matricular, depois de terminar o curso na UFRR. Ele teve que acelerar o processo de formação.

“Fico muito feliz ao perceber que algo que planejei está dando certo. Fiz dois estágios em 45 dias na UFRR e está sendo a maior correria para me matricular e dar entrada na entrevista na embaixada em Brasília”, revela.

Agora, ele precisa pagar a passagem até a França. Por isso criou a vaquinha virtual para arrecadar R$ 5 mil.

“Como recebi a resposta em julho, não me programei. E o dinheiro da bolsa cobre apenas o valor das mensalidades da faculdade. A viagem está programada para setembro, mas o preço está muito alto”, comenta.

Para quem também sonha em estudar fora do país, o estudante deixa o recado.

“Acima de tudo paciência, principalmente agora no período da pandemia quando não podemos fazer muitas coisas como antigamente. Mas tente e vá em busca dos seus sonhos”, finalizou.

Por Yara Walker

Veja também

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Luiz

E o dinheiro da bolsa cobre apenas o valor das mensalidades da faculdade”

Como ele vai se sustentar por 2 anos na França?

1
0
Would love your thoughts, please comment.x