Investir na primeira infância é resultado de vontade política, afirma prefeito

Prefeitura de Boa Vista definiu agosto como o Mês da Primeira Infância

Investir na primeira infância é resultado de vontade política, afirma prefeito
Prefeito de Boa Vista, Arthur Henrique – Foto: Divulgação/PMBV

“Vontade política foi essencial para Boa Vista ser reconhecida como capital da primeira infância”, afirmou o prefeito Arthur Henrique (MDB). A declaração foi dada em entrevista à Rádio 93 FM na tarde desta quarta-feira (25).

De acordo com ele, Boa Vista colhe os frutos que a ex-prefeita Teresa Surita plantou há oito anos, quando investiu em políticas públicas para a primeira infância.

“Hoje somos a Capital da Primeira Infância e a 5ª melhor educação do país. E não é à toa. São frutos do trabalho iniciado por Teresa em 2013 e que hoje já começam a ser observados”, explicou.

A princípio, a prefeitura definiu agosto como o Mês da Primeira Infância, ocasião em que também lançou a campanha “Pacto pela Paternidade Boa”.

Durante a entrevista, o prefeito falou também sobre o programa Família que Acolhe, carro chefe da política pública para primeira infância no município. Conforme Arthur Henrique, desde a criação do programa, em 2013, a Prefeitura já atendeu mais de 19,7 mil famílias.

No momento, são mais de 6,2 mil cadastros ativos. Nesse sentido, a expectativa é que com a descentralização do programa para os Centros de Referência em Assistência Social (Cras), o município poderá atender o maior número possível.

“Nós entendemos a importância de desenvolvimento da primeira infância e abraçamos a ideia de que em todos os projetos que a gente fizer dentro da prefeitura, a gente precisa olhar primeiro para aquelas famílias que tem criança dentro da primeira infância ou uma mãe gestante”, ressaltou.

Outros investimentos

Além disso, o prefeito citou outros exemplos de ações desenvolvidas na capital que compõem a política pública da primeira infância.

Conforme ele, Boa Vista conta também com a Universidade do Bebê; os programas Leitura Desde o Berço e Visitação Domiciliar; o Caminhos da Primeira Infância; a Selvinha Amazônica; Abrigos de ônibus temáticos; Spa do Bebê; playgrounds com piso emborrachado nas escolas e praças, entre outros.

Ainda segundo ele, como exemplo de política pública para infância, a Prefeitura construiu as praças de Boa Vista, adaptadas para as crianças, com playgrounds interativos, construídos com intencionalidade.

Da mesma forma, as Selvinhas Amazônicas são outros elementos importantes na formação da criança, que passa a brincar e explorar o ambiente de forma a estimular o cérebro. 

Paternidade Boa

Arthur Henrique também ressaltou o papel do pai nos estímulos dados aos filhos, sobretudo como forma de desenvolvimento da criança.

“O papel do pai não é apenas estar presente. Vai muito além disso. É estar ao lado da mãe, contribuir com a educação da criança, orientando e estimulando os filhos, desde o nascimento”, relatou.

Além disso, o prefeito incentivou os pais a cumprirem seu papel dentro do lar, sendo fortes parceiros das mulheres e com maior participação no seio familiar.

“É algo simples: a mãe só tem um trabalho a mais, que é amamentar a criança. Todo o restante da criação, o pai tem todas as responsabilidades que uma mãe tem. É preciso participar de todas as etapas da vida dos filhos”, pontuou.

Fonte: Da Redação

Veja também

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x