Sesc-RR abre inscrições para curso gratuito de produção de História em Quadrinhos

Inscrições ocorrem na Sede Administrativa Sesc e Senac, de 18 a 22 de março, das 7h30 às 18h30

Sesc-RR abre inscrições para curso gratuito de produção de História em Quadrinhos
Sede do Sesc em Roraima- Foto: Divulgação/Ascom-Sesc-RR

O Serviço Social do Comércio em Roraima (Sesc-RR) vai ofertar um curso gratuito de produção de História em Quadrinhos, ministrado pelo quadrinista, ilustrador e professor de Artes, Rhafa Porto.

As inscrições ocorrem na Sede Administrativa Sesc e Senac, de 18 a 22 de março, das 7h30 às 18h30. É necessário levar RG, CPF, comprovante de residência ou a Credencial Sesc atualizada em qualquer categoria. A taxa solidária custa 2kg de alimentos para trabalhadores do comércio e dependentes; e 3kg para público em geral.

Do mesmo modo, para participar, os interessados devem ter idade acima de 9 anos. Além disso, é importante a disponibilidade para frequentar as aulas às segundas e terças-feiras, no horário das 16h às 18h. No total, há a oferta de 15 vagas. As aulas estão previstas para os períodos de 25 de março a 25 de junho e 5 de agosto e 12 de novembro no Sesc Mecejana.

Durante o curso vão ocorrer atividades de conhecimento e produção  de histórias em quadrinhos, desde sua leitura, contextualização histórica e produção prática. Além disso, o curso visa estimular e despertar a criatividade artística do aluno, por meio de desenhos e criação de histórias desse gênero textual.

Além disso, mais informações é só consultar o setor de Cultura do Sesc-RR pelo WhatsApp: (95) 98403-4624.

Conheça o instrutor do curso pelo Sesc-RR

Rhafael Porto Ribeiro (Rhafa Porto) é formado em Artes Visuais e Mestre em Comunicação pela Universidade Federal de Roraima (UFRR).

Ele é um dos criadores do Coletivo Lavrado de Quadrinhos e Feira de Quadrinhos de Roraima. Como resultado, organiza o Aniraima, evento cultural Geek que reúne fãs da cultura pop.

Por fim, entre seus trabalhos, está a série “A tribo da justiça”. HQ de super-heróis que vivem na cidade de Boa Vista, Ele usa elementos característicos da região de uma forma sutil, seja pela linguagem, trajes ou o próprio contexto.  

Fonte: Da Redação

Veja também

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x