‘O Espírito da Floresta’ e ‘Diários Yanomami’: livros sobre impactos do garimpo e saberes indígenas serão lançados na UFRR

Evento acontece no dia 24 de maio, a partir das 18h30. Lançamento terá a presença dos autores indígenas Davi Kopenawa, Morazildo Yanomami e Darysa Yanomami

‘O Espírito da Floresta’ e ‘Diários Yanomami’: livros sobre impactos do garimpo e saberes indígenas serão lançados na UFRR
Foto: Divulgação

O Centro Amazônico de Fronteiras (CAF) da Universidade Federal de Roraima (UFRR) será palco do lançamento de dois livros: “O Espírito da Floresta”, do xamã e líder político Davi Kopenawa Yanomami e o antropólogo Bruce Albert; e “Diários Yanomami”, escrito por cinco pesquisadores da Terra Indígena Yanomami. O evento, intitulado “Reahu na UFRR”, acontece no dia 24 de maio, a partir das 18h30.

Dos mesmos autores de “A Queda do Céu”, “O Espírito da Floresta” reúne reflexões e diálogos que, a partir do saber xamânico Yanomami, evocam, sob diversas perspectivas, as imagens e sons da floresta, a complexidade de sua biodiversidade e as implicações trágicas de sua destruição.

“Quando meus pensamentos estão tristes, às vezes pergunto a mim mesmo se, mais tarde, haverá xamãs. Talvez não”, diz em seu mais novo livro o presidente da Hutukara Associação Yanomami, maior liderança da Terra Yanomami. “Mas, se acontecer, nossos filhos terão o espírito tão emaranhado que já não verão os espíritos e já não poderão ouvir seus cantos. Sem xamãs, ficarão desprotegidos e a escuridão tomará conta do pensamento deles”. 

“O Espírito da Floresta” reúne textos originalmente publicados entre 2002 e 2021 em inúmeras exposições realizadas em Paris pela Fundação Cartier. 

A obra é dividida em 16 capítulos com textos intercalados entre os autores. Ela está à venda na livraria Boa Vista, online na Companhia das Letras, e estará à disposição no dia do evento, na entrada do CAF. Para o lançamento dos livros, o público terá a presença do escritor Davi Kopenawa que fará uma palestra sobre o tema.

“Diários Yanomami”

Os autores do “Diários Yanomami” são os pesquisadores Mozarildo Yanomami, Darysa Yanomami, Josimar Palimitheli Yanomami, Alfredo Himotona Yanomami e Marcio Hesina. Eles apresentam a percepção deles e de seu povo sobre os impactos do garimpo na Terra Indígena Yanomami entre 2019 e 2022. Nesse período, Jair Bolsonaro (PL) ocupava o cargo de presidente do Brasil. A gestão foi marcada por políticas que estimularam a invasão garimpeira no território.

A publicação conta com relatos em formato de diários, registro de depoimentos e entrevistas feitas pelos indígenas. O livro é bilíngue e sempre apresenta a primeira versão do texto em Yanomami com a tradução para português na página seguinte.

“Eu quero que vocês, brancos que nos defendem à distância, ouçam estas minhas palavras”, inicia o capítulo “Diários”, escrito por Mozarildo Yanomami, que estará presente no lançamento junto com a pesquisadora Darysa Yanomami, vindos da região da Missão Catrimami (TIY). A reflexão de Mozarildo passa pela violência dos garimpeiros contra as mulheres, sobre o desconhecimento dos não indígenas às violações que os Yanomami sofrem e o desejo de que esta publicação jogue luz sobre o tema e ajude a salvar o povo dele.

“Diários Yanomami” também estará à venda no local do evento, no dia 24 de maio, e está disponível no site da loja do Instituto Socioambiental (ISA). 

O evento é uma realização da Hutukara Associação Yanomami (HAY, Instituto Socioambiental (ISA) e Universidade Federal de Roraima (UFRR).

Fonte: Da Redação

Veja também

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x