Professores do Estado convocam manifestação para cobrar reposição salarial do Governo

Ato vai ocorrer no dia 28 deste mês, na Praça do Centro Cívico. Profissionais já haviam se reunido no dia 7 de maio em busca dos direitos

Professores do Estado convocam manifestação para cobrar reposição salarial do Governo
Fachada da Seed – Foto Gabriel Cavalcante/Roraima em Tempo

Professores da rede estadual, convocaram todos profissionais da área para um ato de manifestação no próximo dia 28 na Praça do Centro Cívico às 8h.

O ato é organizado pelo Movimento da Base da Educação Estadual (MBEE) e tem como objetivo pedir a reposição salarial do Governo de Roraima.

“Neste dia, não é pra nenhuma escola estadual funcionar não. Neste dia, os professores têm que estar na Praça do Centro Cívico junto com os colegas, os técnicos educacionais, e lutando pelos seus direitos da verdadeira reposição salarial. Principalmente com base nos recursos do Fundeb da educação estadual”, diz trecho de áudio que circula nas redes sociais de uma das professoras não identificada.

Relembre e entenda o pedido dos professores

No dia 7 de maio, os profissionais já haviam se reunido em frente à Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR) em ato de protesto.

Assim, os profissionais pedia a reposição salarial de 4,62%, pedida por vários Sindicatos de servidores estaduais em abril. E reposição salarial com base em recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Dessa formas os técnicos, o Movimento da Base pedia ainda um reajuste de 10%.

Além disso, na ocasião, a categoria disse que o Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado de Roraima (Sinter) não convocava assembleia para discussão do percentual a ser reposto e cobrado do Governo. Por isso, o Movimento da Base da Educação Estadual chamou os profissionais para um ato.

Leia mais aqui:

A reportagem procurou o Governo de Roraima para verificar se a Secretaria de Educação (SEED) mantêm diálogo com a categoria. Por meio de nota, disse que se reuniu nos últimos dois meses com representantes da categoria para discutir diversos assuntos, incluindo a reposição salarial.

Do mesmo modo, o Roraima em Tempo, procurou o Sinter, para mais informações sobre o assunto. A presidente do sindicato, Josefa Matos, confirmou o ato do dia 28 à reportagem. Além disso, disse que estava em tratativas com o Governo, contudo não houve retorno sobre o reajuste.

Fonte: Da Redação

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x