Telmário ataca Mecias: ‘contrata pistoleiro pra matar e quer ajudar no velório’; ouça áudio

Declarações foram feitas, segundo senador, após colega de Parlamento citar suposta pesquisa em festa de deputado

Telmário ataca Mecias: ‘contrata pistoleiro pra matar e quer ajudar no velório’; ouça áudio
Senadores Telmário Mota e Mecias de Jesus – Foto: Divulgação/Agência Senado

O senador Telmário Mota (Pros) compartilhou um áudio no fim de semana em que ataca o também senador Mecias de Jesus (Republicanos).

Conforme Mota, o parlamentar “contrata pistoleiro para matar” e, depois, quer “ajudar no velório”. Procurado pelo Roraima em Tempo, Mecias ainda não se manifestou.

Ainda na gravação, Telmário alega que Mecias disse em uma festa de aniversário do filho Jhonatan de Jesus (Republicanos), que o senador está com 60% de rejeição em uma pesquisa eleitoral.

Áudio

Como tinha várias lideranças [na festa], o Mecias espalhou que o presidente Jair Bolsonaro vai para o PP, que estou com 60% de rejeição, e só estou dois pontos à frente do Hiran. Agora aprendi a conhecer o Mecias. Ele é tipo de pessoa assim… Contrata o pistoleiro pra te matar, o pistoleiro te mata, ele vai à tua família e fica solidário, querendo ajudar até no velório, oferecendo dinheiro. Ele ainda vai chorar no dia. É um cara frio e calculista. Mecias não conhece a palavra gratidão, e é um cara extremamente ambicioso”, diz.

Pesquisa eleitoral

O senador fala que deve derrotar o parlamentar nas eleições. Além disso, destaca que Mecias sobrevive de “governo a governo”.

“Só que agora ele encontrou um cara que é suicida. Assim como fui eleito em cima das costas do Jucá, eles foram eleitos em cima das costas do Jucá. Eu vou tirar o Mecias. Não vou escolher o Hiran, vou escolher o Mecias. Vou subir em um carro de som e dizer o que ele quer da vida, o que está fazendo com Roraima”, diz.

De acordo com o áudio do senador, Mecias manipulou a pesquisa eleitoral. No áudio, a comparação é feita ainda com a aceitação do ex-senador Romero Jucá (MDB).

“Primeiro olha só, que pesquisa manipulada, estamos com 23,6% [de aceitação], Jucá com 29,5%. A última pesquisa que eu fiz estava com 9% [de rejeição] e fui para 23%. Estamos subindo de forma muito rápida, e o cara vem ganhar no grito? Não! Comigo ninguém ganha no grito. Comigo o buraco é mais embaixo”, fala.

Ele não diz se a pesquisa foi registrada, a instituição responsável, período ou quantidade de pessoas ouvidas.

Declarações

Contudo, essa não é a primeira vez que Mota faz declarações ácidas. Ele é conhecido por atacar adversários e instituições como, por exemplo, o Ministério Público, bem como o Tribunal de Justiça.

O político já teve processo aberto no Conselho de Ética do Senado por suspeita de quebra de decoro. Ele diz que nos órgãos públicos de Roraima há “parte podre”.

O jornal também já revelou que Telmário é réu por violência contra a mulher. Além disso, o parlamentar também já ofendeu o general Eduardo Pazuello, em 2019, quando o chamou de “general de merda”.

Da mesma forma, Mota também tentou suspender matérias jornalísticas sobre um evento com aglomeração em Rorainópolis promovido por ele, mas a Justiça negou.

Recentemente, o a prefeita de Mucajaí, Eronilde Gonçalves (PL), processou o senador. Ela diz que o Telmário mentiu sobre ter enviado R$ 5 milhões para a prefeitura.

Mota foi, então, proibido de compartilhar informações falsas. Em contrapartida, ele recorreu por quatro vezes, entretanto, a Justiça rejeitou todos os recursos.  

Telmário, Mecias e Jhonatan são citados pela Polícia Federal por suspeita de desvio de R$ 20 milhões de recursos para enfrentamento à pandemia da Covid-19. Contudo, eles negam.

Por Redação

Veja também

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x