Denarium confirma intenção de fazer empréstimo de R$ 800 milhões

Governador de Roraima disse que seria bom mudar o termo e chamar de “aporte de capital”; o golpe tá aí…

Denarium confirma intenção de fazer empréstimo de R$ 800 milhões
Governador Antonio Denarium – Foto: Reprodução/Redes Socais

Empréstimo

Depois de muita especulação, o governador Antonio Denarium resolveu falar sobre o empréstimo que pretende fazer em um banco. Ele esteve em uma rádio local neste fim de semana onde confirmou a intenção de fazer mas essa dívida para o Estado. Ele disse que não há crise no Governo, no entanto, avaliou a possibilidade de emprestar R$ 800 milhões para novos investimentos.

Novo nome

Para não parecer que está contraindo mais uma dívida milionária para o Estado, Denarium resolveu chamar o empréstimo de ‘aporte de capital”. “Vamos mudar o termo”, disse. Isso tudo para que a população não veja o lado ruim de um empréstimo desse porte que é deixar o Estado engessado. Ou seja, em vez de investir em novas ações, o Estado vai ter que ficar pagando dívida. Denarium realmente gosta de brincar com a cara do povo roraimense. Isso porque ele acha que basta oferecer um benefício que o povo vota nele nas eleições.

Renunciou

O prefeito de Rorainópolis, Leandro Pereira renunciou nesta segunda-feira (2). Ele disse que sai por circunstâncias de ordem privada e de caráter pessoal. O agora ex-prefeito entregou a cartas de renúncia ao presidente da Câmara dos vereadores, Edivan Brito que afirmou que iria convocar sessão para dar ciência aos parlamentares e para dar posse ao vice-prefeito. Quem assume é Alessandro Daltro Sousa, conhecido na cidade como “Pinto do Equador”.

Crise

Leandro deixa a gestão em meio a uma crise que tomou conta do município. Os constantes atrasos nos salários dos servidores são os maiores motivos de reclamações e denúncias. Por conta disso, o Ministério Público até acionou a Justiça, que determinou o pagamento em um prazo de 24 h sob pena de multa diária de R$ 5 mil. Além disso, um deputado protocolou na Assembleia Legislativa o pedido de afastamento do gestor da Prefeitura.

No HGR

O sistema de segurança e incêndio do Hospital Geral de Roraima (HGR) apresentou problemas neste fim de semana, quando houve vazamento de água misturada com ferrugem. Conforme a Sesau, o sistema é antigo. Servidores e pacientes ficaram assustados com o líquido de cor avermelhada que escorria pela parede de um dos blocos da unidade. Eles pensavam que era sangue novamente. É que, em agosto do ano passado, vazou sangue pelo teto do novo bloco do HGR, o Bloco E que tinha sido inaugurado há apenas cinco meses. Mas desta vez foi só ferrugem mesmo.

Nomeação

O governador Antonio Denarium nomeou recentemente um novo diretor do Hospital de Rorainópolis. O homem já foi alvo de operação do Ministério Público do Estado em 2018, quando foram encontrados mais de seis mil remédios vencidos na casa dessa mesma pessoa. Na época, ele ocupava o cargo de secretário de Saúde de Rorainópolis. Na mesma ação, o MMPRR encontrou mais de 1.400 remédios no local, mas que ainda estavam no prazo de validade. Contudo, expostos ao sol.

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x