Instituto de Prevenção do Câncer não é hospital como dizem os políticos de RR

Antonio Denarium e Hiran fizeram propaganda equivocada e agora a população chega lá em busca de tratamento e sai frustrada, pois unidade só faz exames e encaminha o Governo

Instituto de Prevenção do Câncer não é hospital como dizem os políticos de RR
Instituto de Prevenção em Roraima – Foto: Samantha Rufino/Arquivo Roraima em Tempo

Só tiraram vantagem

Os candidatos Antonio Denarium e Hiran Gonçalves fizeram a população achar que o Instituto de Prevenção é um hospital. Eles, para tirar vantagem daquela unidade, que nem publica é, exageraram na propaganda equivocada. Agora, pacientes com câncer, procuram o instituto e saem de lá frustrados. Pois recebem a inf0rmação de que lá só realiza exames. E o pior: se detectado o câncer, o paciente tem que ir para a Unacon do Governo. E pior ainda: Se precisar de radiologia tem quer pegar TFD. Isso porque em Roraima não tem uma unidade de radiologia. O Hospital de Amor que tanto os dois candidatos divulgaram, na verdade fica em Barretos-SP. No final, era tudo só propaganda política mesmo. Se aproveitaram de uma obra particular para se promoverem politicamente. E olha que Hiran é medico, viu? maias grave que mentir ou manipular, é brincar com a fragilidade das pessoas doentes.

Radiologia

Roraima não tem uma unidade de radiologia porque a atual gestão não deu andamento na obra. Em março de 2019, o governador Antonio Denarium (PP) realizou uma visita ao local da obra, quando disse que Roraima é o único estado do país que não tem uma unidade de radioterapia. E desde então, nunca mais se falou na obra. E adivinha quem articulou para trazer a verbra do Ministério da Saúde para a construção da unidade? Ele mesmo, Hiran Gonçalves. Então, porque ele não faz propaganda dessa obra, e faz do Hospital de Amor que nem é mérito dele?

Mais um

Mais um caminhão carregado tombou em ponte de madeira. Dessa vez aconteceu em Caroebe. E assim, uma carga de banana se perdeu. O produtor ficou no prejuízo. Enquanto isso, o governo vai dizendo que a obrigação de arrumar as estradas é das prefeituras. Mas quando arruma alguma coisa vai para as redes sociais pra fazer propaganda.

R$ 44,5  mil de multa

O prefeito de Normandia, Wenston Raposo foi multado em R$ 44.514,00 pelo TCE-RR, por se negar a repassar informações para uma investigação. O órgão investiga uma denúncia sobre irregularidades cometidas pela Prefeitura em pregões presenciais. Conforme a denúncia, os editais de licitação não estavam sendo corretamente publicados em diários oficiais. Ou seja, faltou transparência. Dessa forma, o TCE-RR enviou uma intimação com o prazo de cinco dias para que Raposo enviasse as documentações, sob pena de multa diária em caso de descumprimento. Assim, desde 23 de outubro de 2021, o prefeito está inadimplente com o Tribunal de Contas, e sua multa atingiu o teto previsto.

Perdeu espaço

O TRE-RR retirou 28 segundos do tempo de propaganda do candidato Hiran Gonçalves na TV, após ele invadir o horário eleitoral de outros candidatos. No dia 30 de agosto, a Justiça Eleitoral já havia mandado ele retirar a propaganda do ar após o candidato utilizar 14 segundos do conteúdo em favor de sua candidatura em um horário destinado a outro candidato. Contudo, na defesa, Hiran alegou que não houve invasão. Mas não foi isso que o juiz entendeu. Para ele, a ação é procedente pois houve desvirtuamento da propaganda, onde os candidatos, que eram os verdadeiros donos do espaço, receberam destaque secundário. Ou seja, toda a publicidade se voltou a enfatizar Hiran.

Perguntas:

  • Por que Denarium e Hiran usam o Instituto de Prevenção do Hospital de Amor para se promoverem politicamente?
  • O que Hiran e Denarium fizeram com o dinheiro da obra da unidade de radiologia de Roraima?
  • Qual o motivo do silêncio deles sobre o assunto?

 

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x