Internet ruim em RR e Instituto de Tecnologia é inerte

Instituto de Amparo à Ciência e Tecnologia de Roraima é inerte à má qualidade da internet que limita o desenvolvimento do Estado

Internet ruim em RR e Instituto de Tecnologia é inerte
Imagem – Reprodução/Facebook IACTI-RR

,Sem qualidade

A internet em Roraima nos últimos dias está deixando muito a desejar e isso implica diretamente no trabalho de muitas empresas no estado. Infelizmente, em pleno 2021, ainda não se viu ação alguma por parte do Estado para resolver essa situação. Sabe-se que existe o Instituto de Amparo à Ciência, Tecnologia e Inovação em Roraima (IACTI), mas o órgão não mostra sua finalidade, pois deveria criar e executar projetos nessa área para facilitar a vida de quem precisa de internet para trabalhar. Além disso, uma internet de qualidade é fundamental para atrair empresas na área da tecnologia e inovação. O IACTI se tornou um instituto inerte, sem nenhuma visibilidade ou serviço para a comunidade científica e tecnológica de Roraima.

Sem preparo

Fontes informaram que o IACTI é apenas mais um cabide de emprego para acomodar indicados de Sampaio e Xingu. Enfim, não existe para contribuir com o desenvolvimento de Roraima. Inclusive, o Instituto, na atual gestão nunca foi dirigido por alguém com o preparo científico necessário. Esse preparo é fundamental para desenvolver e gerenciar projetos necessários para resolver esse entrave no desenvolvimento do estado que é a péssima qualidade da internet. Hoje, por exemplo, o pecuarista Márcio Freitas é quem comanda a instituição. Antes dele, quem estava como presidente era o empresário Aluizio Nascimento, que saiu em fevereiro deste ano, sendo substituído pelo assessor do Xingú, Deyvison Correa Fernandes. Mas, três dias depois, Denarium nomeou seu amigo Márcio Freitas em seu lugar.

Articulação só política

Outro órgão do governo que parece cabide de emprego é a Secretaria de Articulação Municipal. Antes ela estava sob o comando da empresária Ilaine Henz, mas devido a acordo político com Luciano Castro, Denarium passou a pasta para o ex-deputado. Ninguém sabe ao certo o motivo da existência dessa secretaria, mas sabe-se que Luciano Castro viaja antecipadamente às entregas de cestas básicas nos municípios do interior e organiza reuniões de políticos e servidores com o governador.

Reforma administrativa

Parece que a tão prometida reforma administrativa caiu da pauta de Denarium. Com o mandato se aproximando do fim do terceiro ano, até agora ninguém viu redução de gastos com a junção de secretarias e corte de cargos como foi prometido. O projeto, que deveria ter sido entregue a ALE-RR em fevereiro de 2019, ainda não saiu da promessa. Com a aproximação das eleições de 2022, o governador não deve mais tocar nesse assunto que atinge diretamente os servidores que ocupam cargos comissionados que seriam reduzidos drasticamente. Denarium deve investir na campanha do ano que vem, para que, caso seja reeleito, coloque em prática a reforma administrativa só a partir de 2023.

Inércia

Imagens de centenas de imigrantes em Pacaraima vivendo nas ruas, enquanto esperam triagem para entrar no país continuam tomando conta das redes sociais. Em relação a isso, a inércia do Governo do Estado preocupa. Não se vê manifestação alguma por parte do chefe do Executivo, que também não toma nenhuma medida para conter as aglomerações e a disseminação do coronavírus no local. Parece até que o problema não acontece dentro do Estado e que deixar todas as medidas por conta do governo federal resolve tudo.

Quando é dinheiro…

Por outro lado, quando o assunto é dinheiro, Denarium se mobiliza. Ele atuou em viagens e mais viagens à Brasília para articular a ação em que o Estado pedia para a União ressarcir os valores gastos com imigrantes venezuelanos nas áreas da saúde, educação, segurança e social. A ação ainda é da época do governo da Suely Campos, que pediu o ressarcimento de cerca de R$ 180 milhões em investimentos feitos de 2016 a 2018, no governo dela. Por fim, em outubro do ano passado, o Supremo aprovou o ressarcimento da metade desse valor.

Pergunta:

Quando o Governo vai tomar atitude em relação à internet?

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x