Mucajaí vai receber teste para o Censo de 2022

Recenseamento será realizado em alguns setores de Mucajaí, com início previsto para o dia 4 de novembro

Mucajaí vai receber teste para o Censo de 2022
Trabalhos devem ser concluídos até o dia 19 de novembro Foto: Arquivo Roraima em Tempo/Edinaldo Morais

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) escolheu o município de Mucajaí  para iniciar o teste para o Censo Demográfico de 2022 no estado de Roraima.

O recenseamento será realizado em alguns setores de Mucajaí, com início previsto para o dia 4 de novembro. Os trabalhos devem ser concluídos até o dia 19 do mesmo mês.

De acordo com o Instituto, 20 técnicos e profissionais atuarão nesta etapa, com seis deles trabalhando como recenseadores. Todos vão participar de um treinamento no município entre os dias 18 e 28 de outubro.

“Esses testes são fundamentais para que possamos garantir uma operação censitária segura e de qualidade. É o momento de a gente corrigir erros, testar equipamentos, sistemas e de sentir as dificuldades encontradas no momento da coleta” explicou a gerente do IBGE em Boa Vista, Ângela Patrícia.

Conforme a instituição, a escolha de Mucajaí se deu em razão do município atender critérios pré-definidos para esta etapa. A exemplo da distância para a sede principal, facilidade de acesso, bem como de logística e pelo fato de os setores escolhidos para o recenseamento terem sofrido pouca alteração desde o último Censo, realizado em 2010.

“O teste em Mucajaí já vai nos dar um panorama do que será a coleta do Censo no ano que vem. Eventos como esse são fundamentais para o IBGE garantir uma operação censitária segura e de qualidade. Agradecemos o apoio da prefeitura, das secretarias e dos demais órgãos municipais envolvidos nesta etapa de Mucajaí”, destaca o diretor da Unidade Estadual do IBGE em Roraima, Roberto Kuerten.

Operação testará também coleta por telefone e internet

Os profissionais envolvidos na coleta de dados usarão máscaras e protetores faciais, respeitando os protocolos de segurança contra a pandemia de Covid-19.

Também empregarão abordagens alternativas e complementares de coleta de dados: presencial, por telefone e por internet. Os profissionais utilizarão as três formas de coleta no recenseamento do ano que vem.

A operação servirá ainda para testar os sistemas e equipamentos que utilizará na operação censitária. Como por exemplo, os Dispositivos Móveis de Coleta (DMCs, semelhantes a um smartphone, que guardam os questionários eletrônicos). Isso porque algumas especificações e funcionalidades ainda não foram avaliadas em campo.

“O teste vai ser uma oportunidade para nos ambientarmos na operação censitária. Como responsáveis pela operação de campo, vamos nos empenhar para que Mucajaí seja referência para os demais municípios roraimenses”, avalia Webson Silva, coordenador operacional do Censo em Roraima.

Reunião em Mucajaí define últimos ajustes para teste do Censo

Na terça-feira, dia 28, a unidade estadual do IBGE promoveu uma reunião de Planejamento e Acompanhamento do Censo (Repac) com lideranças de Mucajaí.

A Repac ocorreu no próprio município e contou com a participação da prefeita, Eronides Gonçalves (Dona Nega), do vereador e presidente da Câmara Municipal, Joelson Costa, assim como de secretários e outros gestores. Pelo IBGE, participaram do encontro Liezer Pino, coordenador da Repac, e Ivo França, coordenador de Informática e do Censo na região Sul de Roraima.

As autoridades locais se sensibilizaram com a operação do IBGE e confirmaram a cessão de um local adequado e com infraestrutura básica para a instalação do posto de coleta. Além disso, também manifestaram apoio para o evento-teste e todas as demais etapas do Censo.

Fonte: Da Redação

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x