Alunos de escola indígena comemoram retorno das aulas presenciais

Escola Indígena na Comunidade Truarú da Cabeceira promoveu evento para celebrar as aulas presenciais

Alunos de escola indígena comemoram retorno das aulas presenciais
Escola promoveu um evento nesta sexta-feira (17) – Foto: Divulgação/PMBV

Os alunos da Escola Municipal Indígena Vicente André da Silva, na Comunidade Truarú da Cabeceira, zona Rural de Boa Vista, comemoraram a primeira semana do retorno das aulas presenciais.

Para celebrar, a escola promoveu um evento nesta sexta-feira (17). Houve exposição de projetos pedagógicos, da culinária e artesanatos indígenas, apresentações culturais, musicais, assim como recitação de poesias na língua Wapichana.

De acordo com a Prefeitura, o momento foi de acolher a comunidade escolar, valorizar a cultura indígena, bem como a língua materna. Foi também de expor os projetos que terão continuidade.

Desse modo, as equipes apresentaram cinco projetos nas salas temáticas: “Peixinho Cará” (1º período); “Eu e Minha Família” (2º período), “Maleta Viajante” (1º e 2º ano); “A reconexão por meio da leitura” (3º e 4º ano); e “Aprendendo com os poemas indígenas” (5º Ano).

Em todos esses projetos os pais colaboraram, o que estreitou ainda mais a relação entre a família e a escola, durante as aulas não presenciais.

“Esses projetos vêm justamente para que a criança se conheça enquanto indígena, conheça sua cultura, sua raiz, sua língua materna. Estamos empenhados de estar nessa valorização. A colaboração e a união dos pais é importante para que eles se sintam parte do processo de ensino e estejam firmes nessa parceria que só vem contribuir com a educação dos filhos”, disse a professora Ana Cláudia Gino.

Retorno das aulas

A escola Vicente André é uma das 12 escolas indígenas que voltaram com as aulas no dia 13 de setembro, seguindo todos os cuidados sanitários.

Conforme a Prefeitura de Boa Vista, ela atende atualmente 106 estudantes que estão felizes com a volta às aulas no ambiente tradicional. O aluno Robson Lima, 10 anos, é um deles.

“Melhor estudar na escola que em casa. Aqui dá pra rever os colegas e tirar dúvidas com a professora”, disse o menino.

A secretária de Educação e Cultura, Maria Consuelo Sales esteve na escola para comemorar junto com a comunidade escolar.

“Eu saio extremamente feliz com o que eu vi aqui, com a participação das famílias, com a dedicação dos servidores e o empenho dos alunos. Estamos no caminho certo e só temos a agradecer e espero poder participar de momentos como esse em outras comunidades”, disse.

Fonte: Da Redação

0
Would love your thoughts, please comment.x