Grupo faz campanha para doação de sangue em Roraima

Ação ocorre das 14h às 16h, no Hemocentro, na Avenida Brigadeiro Eduardo Gomes, ao lado do HGR

Grupo faz campanha para doação de sangue em Roraima
Doação pode ser feita de segunda a sexta no Hemocentro de Roraima – Foto: Divulgação

O grupo Boa Bixa Roraima faz hoje (31) a campanha de doação de sangue Mutirão pela Vida.  A ação ocorre das 14h às 16h, no Hemocentro, que fica na Avenida Brigadeiro Eduardo Gomes, ao lado do Hospital Geral de Roraima (HGR).

Conforme Tallon Dimitrius, um dos organizadores do evento, a ação é para celebrar um ano do fim da restrição de pessoas Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transgêneros (LGBTs) como doadores de sangue.

O Supremo Tribunal Federal (STF) derrubou o impedimento em maio de 2020. Os ministros entenderam que as regras da Anvisa e do Ministério da Saúde eram discriminatórias.

“O principal motivo era a epidemia de HIV nos anos de 1980. Dessa forma, vivíamos esse reflexo. As pessoas LGBTs eram consideradas inaptas. Além disso, muitos precisavam esconder ou mentir a sexualidade para doar sangue e ter os benefícios. Agora, os pré-requisitos são iguais para todos”, disse Tallon.

Ação

De acordo com Tallon, o grupo está no Hemocentro para receber os doadores. Além disso, os participantes recebem descontos na entrada em eventos.

“Estaremos para cumprimentar as pessoas e tirar fotos. Em seguida, vamos disponibilizar plaquinhas, adesivos, assim como cupons de desconto para um estabelecimento no dia 3 de novembro. Esta é uma forma de incentivar as pessoas a doarem sangue”, falou.

Quem pode doar?

Conforme o hemocentro de Roraima, os doadores precisam:

  • ter de 16 a 69 anos (menores de idade devem ir acompanhados);
  • peso mínimo de 50 kg;
  • estar bem alimentado;
  • ter dormido 6h na noite anterior;
  • não ter ingerido bebida alcoólica.

Ainda de acordo com o Hemocentro, as pessoas que tiveram Covid-19 precisam esperar 14 dias após a recuperação.

Boa Bixa Roraima

De acordo com Tallon, o Boa Bixa Roraima é um podcast sobre identidade da pessoa LGBT+ criado há um ano e três meses.

“Somos uma plataforma multimídia para a população LBGT roraimense. Já trabalhamos com outras organizações do mesmo segmento. O programa está disponível nas principais plataformas de áudio como Spotify e Deezer“, finalizou.

Por Yara Walker

0
Would love your thoughts, please comment.x