Denarium só cria comissionados e nada de chamar os concursados

A criação desenfreada de cargos comissionados no governo já está provocando revolta e protestos

Denarium só cria comissionados e nada de chamar os concursados
Denarium já criou seis secretarias na estrutura do governo – Foto: Reprodução/Facebook/Antonio Denarium

Comissionados

E Denarium não para de criar cargos comissionados no governo. No Diário Oficial do dia 13, publicado ontem, ele pediu para criar mais cargos no Iteraima e na Femarh. Inacreditável! O governador se elegeu prometendo acabar com a farra dos comissionados que só servem mesmo para cabide. No entanto, tudo o que fez foi criar mais e mais. Tudo para acomodar indicações políticas. Só para conseguir apoio político para a campanha do ano que vem. O custo dos comissionados do Iteraima  para o governo será de R$ 2,8 milhões anuais. Enquanto os da Femarh custarão R$ 1,8 milhão.

E concursados nada

Enquanto isso, os classificados no concurso da PM realizam protesto para convencer Denarium a convocá-los. O governador disse que o estado não tem dinheiro para pagar os salários para os novos policiais. Ele desapontou os classificados, pois ele mesmo prometeu convocar a nova turma. E quem acredita nisso? Denarium, apesar de ter prometido realizar concursos, não para de criar comissionados. Até o concurso da Polícia Civil ele cancelou. E foi uma luta para os inscritos conseguirem receber o reembolso das inscrições.

Críticas dos próprios aliados

Os próprios deputados aliados estão criticando Denarium. O deputado Jorge Everton, por exemplo, cobrou a convocação dos classificados. Por outro lado, Jeferson Alves, sugeriu que em vez de o governo enviar PL com criação de novos cargos comissionados, deveria chamar os concursados. O  deputado disse ainda que “é um contrassenso muito muito grande deixar de chamar os concursados para criar comissionados”. Se não tem recurso para chamar os concursados, como tem para criar cargos de confiança?

Telmário ataca novamente

O senador Telmário Mota foi condenado pelo TRE por propaganda antecipada. Dessa forma, ele vai ter que pagar R$ 10 mil de multa. Revoltado, ele publicou vídeo criticando a imprensa que divulgou a notícia. Agora, além de adversários políticos, Telmário também ataca os jornais que divulgam suas condenações. Desespero! Ele perdeu apoio de Denarium. Anteriormente, o governador o trocou por Hiran Gonçalves. Agora, ele se aliou com a deputada Yonny Pedroso para tentar a reeleição. E pelo o que parece, nenhum candidato ao governo quer Telmário no palanque. Desse modo, sem alternativa, ele procura novas alianças.

Se aproveitando

Se aproveitando das desgraças dos outros. Assim está o deputado Marcelo Cabral. É que ele esteve na vicinal Bom Jesus em Amajarí fazendo imagens da enchente. Pra não dizer que não fez nada, ele disse que foi visitar e acompanhar a situação dos desabrigados. Fora isso, só se promoveu com a desgraça dos outros.

Dinheiro da lavra para a Caer

No Diário Oficial do dia 13, que foi publicado ontem (15), Denarium pede aprovação da Assembleia para fazer um aporte financeiro para a Caer. O valor? Nada menos que R$21,5 milhões. Conforme o Diário, a justificativa é a construção de 5 mil caixas d’água em Boa Vista, entre outras coisas. Mas como assim, 5 mil caixas d’água? Com tanta reclamação pelo mal serviço da Caer durante esses três anos de governo, só agora, nas vésperas das eleições, o governador resolveu investir na estrutura da Companhia. Sendo assim, se for verdade que dizem que o Mecias de Jesus é quem dá as cartas por lá…

Perguntas:

  • Por que Denarium em vez de contratar comissionados, não chama os concursados?
  • Telmário Mota vai continuar atacando a imprensa também?
  • Para que tanto dinheiro na Caer em vésperas de eleições?

 

 

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x