Hospital das Clínicas não tem cadeira de rodas e medicamento, denuncia acompanhante

Familiares de pacientes estão comprando medicamentos e kits para medir glicemia

Hospital das Clínicas não tem cadeira de rodas e medicamento, denuncia acompanhante
Hospital conta apenas com uma cadeira para atender toda unidade – Foto: Arquivo pessoal

Familiares de pacientes no Hospital das Clínicas (HC) denunciaram ao Roraima em Tempo, na manhã de hoje (24), que a unidade não tem cadeira de rodas para atender todos os internados.

Conforme o relato da neta de uma das pacientes, internada no HC há uma semana, o hospital conta apenas com duas cadeiras para atender toda a demanda da unidade. Porém, uma delas estava com a roda danificada.

“Por enquanto ela consegue andar da cama pro banheiro, mas e se precisar da cadeira? Como é que a gente vai conseguir caso ela tenha que descer para fazer algum exame ou ter que ir em outra sala? Ela não vai aguentar”, disse.

Além disso, a acompanhante conta que alguns familiares estão improvisando, pois a unidade também não tem cadeira de rodas para banho.

“O marido de uma das internadas está se virando pra dar banho nela. Ele coloca a esposa no apoio que usamos para subir na maca. Depois ele sai puxando ela para levar ao banheiro”, relatou.

Outro problema que os pacientes do HC enfrentam é a falta de kit para medição de glicose. Como resultado, as famílias estão comprando o equipamento com o próprio dinheiro.

“Outra paciente que está internada aqui há 16 dias precisou do aparelho e eu saí para comprar. Uma amiga dela doou o dinheiro, porque aqui não tem esse equipamento. A gente também teve que providenciar para nossa avó”, contou.

Hospital não tem medicamento

Ainda de acordo com a acompanhante, o HC também não tem o medicamento Vitamina K em injeção. A paciente precisou ser medicada para controlar uma hemorragia, contudo ele não estava disponível em nenhuma unidade de saúde.

“A gente ia comprar na farmácia, só que a farmácia falou pra gente que essa injeção é de uso hospitalar. Não está disponível para comprar, mas nós nos ‘rebolamos’ e conseguimos arranjar pelo menos três para aplicar nela. Então, são coisas essenciais que precisa ter no hospital e não tem”, denunciou.

Citada

A Secretaria de Saúde (Sesau) informa que a vitamina K tem em estoque e será providenciado o reabastecimento, em razão da alta demanda para o medicamento.

Sobre a fita de glicemia, informa que a empresa foi contratada, emitiu a nota fiscal e informou à Sesau que está em trânsito com o material para ser entregue nos próximos dias.

A direção está adotando as providências necessárias para ampliar o número de cadeiras de rodas no Hospital das Clínicas Dr. Wilson Franco.

Fonte: Da Redação e Rádio 93FM

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x