Em vez de construir ou reformar escolas, Governo aluga 100 salas de aula de lona

Já são cinco anos de gestão e nenhuma escola construída; e nenhuma cobrança de deputados sobre a contratação de 100 salas de aulas de lona

Em vez de construir ou reformar escolas, Governo aluga 100 salas de aula de lona
Teto de salas de aula improvisadas caiu – Foto: Reprodução

Nenhuma escola construída

A atual gestão do Governo de Roraima já está no comando do Estado há cinco anos e até agora, não construiu sequer uma escola. E das mais de 370 escolas existentes, poucas foram reformadas. Prova disso é o grande número de denúncias que partem tanto de pais como de alunos pedindo providências. As escolas estaduais da capital e do interior estão em péssimas condições.

Escolas de lona

Mas, para quem esperava uma solução digna de um Governo em que a Secretaria de Educação tem R$ 1,2 bilhão de orçamento, caiu do cavalo. Pois, em vez de construir ou reformar escolas, o Governo decidiu contratar empresa para montar 100 salas de aula de lona. E assim, o que era inacreditável se tornou realidade. Uma maternidade e escolas funcionando no improviso. Desse modo, pode se dizer que a a saúde e a educação de Roraima estão na lona.

Escolas de lona vão custar R$7 milhões

As escolas de lona vão custar R$ 7 milhões aos cofres do Governo. Há poucos dias a Seed realizou o pregão e a empresa vencedora apresentou proposta de pouco mais de R$ 7 milhões. Valor esse que daria para resolver muitas questões na Educação. Mas, existe um prejuízo que não tem preço, que é o futuro dos nossos filhos que vão estudar sob essas lonas.

Irregularidades

Pior ainda que contratar escolas de lona, é a quantidade de denúncias dentro do processo de contratação. Inicialmente, a Seed deixou de incluir no edital um item essencial exigido por lei que é a comprovação de capacidade técnica para a execução do serviço. Logo após duas denúncias, a Secretaria corrigiu e lançou novo edital. Mas, pasmem… A empresa que ganhou venceu o pregão apresentou um atestado de capacidade técnica emitido pela própria Seed. É no mínimo imoral.

Mais irregularidades

Depois de corrigir e lançar nono edital, a Seed realizou o pregão. No entanto, surgiu uma nova denúncia que aponta um possível favorecimento. É que, conforme o relato, o atestado de capacidade técnica da empresa que venceu o pregão não comprova a capacidade técnica que a contratação exige. Ou seja, a empresa que venceu não é capaz de cumprir com o serviço de forma a atender as necessidades e a Seed ignorou isso. Por que será? Só  lembrando que o secretário de Educação, o Nonato Mesquita, é indicado do deputado Soldado Sampaio ao cargo.

Comemorou um ano

O governador Antonio Denarium (Progressistas) e o vice-governador Edilson Damião (Republicanos) comemoraram nas redes sociais nesta terça-feira (12) um ano de diplomação no TRE-RR. É notável que a intenção da publicação é comover a população depois que o próprio TRE-RR cassou seus mandatos pela segunda vez somente nesse ano. Assim também a equipe fez depois da primeira cassação. Muitas foram as publicações de servidores em apoio aos dois em uma tentativa de sensibilizar o público.

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x