Populares registram viatura do Detran em bandeirada de Denarium

Mais um aparato do Governo do Estado utilizado em campanha política em Roraima neste ano de tantas ação na Justiça Eleitoral por abuso de poder

Populares registram viatura do Detran em bandeirada de Denarium
Viatura do Detran – Foto: Divulgação

Detran na bandeirada

Para quem não viu, tem um vídeo na internet de uma bandeirada do candidato à reeleição, Antonio Denarium (PP). Mas o que chama atenção é uma viatura do Detran no local. A viatura fica estacionada de modo a proteger as pessoas que estão com as bandeiras na calçada. Enfim, mais um aparato do Governo do Estado utilizado em prol de campanha política em Roraima. Anteriormente foram as escolas, os servidores, as redes sociais e outros meios institucionais pagos com o dinheiro público. Ou seja, é o uso do dinheiro do povo para receber o voto do próprio povo.

Mais problema com expurgo no HGR

Um vídeo enviado a esta redação mostra o descarte incorreto de secreção em uma das UTI’s do Hospital Geral de Roraima (HGR). Sabe o sangue que escorreu do teto do Bloco E e contaminou a copa dos servidores? Trata-se da mesma coisa. Conforme as imagens, o funcionário da unidade joga o líquido no vaso sanitário. Contudo, a eliminação da secreção deveria ocorrer por um sistema específico, mas por conta de problemas na estrutura do prédio, o líquido está indo pelo sanitário mesmo.

Escola acabada

Falando em problemas estruturais, um aluno da Escola Estadual João Rogélio Schuertz, em Caracaraí, fez um vídeo onde expõe as péssimas condições da unidade. Nas imagens, é possível ver janelas, cerâmica e cadeiras quebradas, bem como fiação exposta, centrais de ar que não funcionam, além de pintura completamente desgastada. O jovem ainda pede ajuda por meio de frases durante toda a filmagem, para que os estudantes possam ter uma ‘escola melhor’. O problema na estrutura das escolas estaduais realmente acontecem de Norte a Sul em Roraima.

Sem medicamento  e servidores

Infelizmente, há problemas em vários segmentos do Estado e o governador finge que não vê. Porque denúncia é o que não falta. O que falta é competência para resolver. E os funcionários da saúde, por exemplo, sabem bem disso. Tanto é que uma técnica em enfermagem fez um vídeo relatando o déficit de servidores e a falta de medicamentos. No local, que parece ser o Pronto Atendimento Cosme e Silva, ela chama a atenção de Denarium. E sugere que ele faça vistas de surpresa e diz que se arrepende de ter votado nele nas Eleições de 2018.

Hiran recebe doação de quase R$ 3 milhões do União

Entrando no assunto de eleições, o candidato ao Senado, Hiran Gonçalves (PP) recebeu da Direção Nacional do União Brasil R$ 2,9 milhões de doação para o pleito deste ano. Por outro lado, o seu próprio partido doou somente R$ 176 mil para a sua campanha. O MDB questionou essa doação na Justiça Eleitoral. Conforme a ação, além de se tratar de um valor muito alto, representando 93,7% das doações totais recebidas por Hiran, o Partido Progressistas não está filiado com o União Brasil.

Suplentes também não

Além disso, nenhum dos suplentes de Hiran tem partidos coligados com a agremiação. Por isso, o MDB pediu quebra de sigilo bancário de Hiran para verificar todos os valores recebidos pelo candidato e possíveis saques além da indisponibilidade do recurso transferidos pelo União Brasil. Caso seja comprovada a ilegalidade, Hiran pode ter o registro de candidatura ou o diploma cassado, assim como pode ficar inelegível.

Perguntas:

  • Por que o União enviou tanto dinheiro para a campanha de Hiran?
  • Até quando o Governo vai tratar a população de Roraima sem medicamentos?
  • O Detran pode prestar apoio em bandeiradas de políticos?

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x