Morre idoso atingido por forro que caiu no HGR

Incidente ocorreu na última quarta-feira (18) quando parte do forro caiu sobre o leito de UTI onde estava o homem

Morre idoso atingido por forro que caiu no HGR
Pedaços do teto ficaram espalhados pela enfermaria/Foto: Reprodução

O idoso atingido por parte do teto que caiu no Grande Trauma do Hospital Geral de Roraima (HGR) morreu nessa quinta-feira (19).

O homem estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) quando parte do forro caiu sobre ele.

O Ministério Público de Roraima (MPRR) afirmou ontem que abriu procedimento para investigar o caso.

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) afirmou que averiguou a situação e o referido paciente veio a óbito por causas patológicas não relacionadas ao incidente.

Disse ainda que o local onde ocorreu o incidente foi isolado para reparos.

Entenda

Na tarde dessa quarta-feira (19) um pedaço do forro do Grande Trauma do HGR caiu. Com a queda, parte do concreto atingiu um paciente idoso que estava intubado no local.

Conforme as imagens, diversos pedaços do teto ficaram espalhados pelo chão da enfermaria e na cama do paciente. Além disso, as fotos também mostram grande parte do forro infiltrada.

O Grande Trauma passou por reforma e ampliação recentemente. O governador Antonio Denarium entregou a obra em agosto do ano passado.

Segundo o Governo de Roraima, a reforma teve investimento de R$ 3,7 milhões. Cerca de R$ 2,7 milhões foram de emenda parlamentar do depurado federal Hiran Gonçalves (Progressistas) e R$ 1 milhão do Estado.

Forro do Bloco E também caiu

Nessa quinta-feira (19) um familiar de paciente do Bloco E do HGR, que preferiu não se identificar, registrou o momento em que funcionários carregavam pedaços de forro da unidade.

Conforme apurado, o forro caiu após as fortes chuvas que ocorreram na madrugada de ontem.

Bloco E forro
Homens retirando o forro que caiu na unidade – Foto: Divulgação

De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), uma sacola plástica obstruiu a passagem de água da chuva, ocasionando o represamento de água. Equipes realizaram reparos no local.

A Sesau disse ainda que o problema ocorreu apenas na parte externa e não afetou os serviços prestados nem colocou em risco a vida de pacientes internados.

Bloco E foi inaugurado em março

O governador Antonio Denarium (Progressistas) inaugurou o Bloco E no dia 11 de março. O anexo recebeu o nome do ex-governador José de Anchieta Júnior.

Com discursos políticos, a solenidade contou com a presença do ministro da Saúde Marcelo Queiroga.

A inauguração ocorreu após o Governo do Estado anunciar 10 previsões de entrega durante as obras.

A entrega do anexo também aconteceu antes da proibição da participação do governador em inaugurações de obras públicas. É que a Justiça Eleitoral veda esse tipo de conduta em ano de eleições.

Por conta disso, o governo entregou a obra antes mesmo de ela ficar apta para receber pacientes, bem como instalar equipamentos.

Vídeos enviados à redação mostraram que, um mês depois do evento de inauguração, apenas algumas partes do anexos funcionavam. Nesse sentido, equipamentos estavam amontoados na área de convivência e cobertos por lonas.

Além disso, antes de começar a funcionar, a obra apresentou defeitos. Desse modo, um vídeo mostrou que, após uma chuva, o forro da área de convivência desabou. Anteriormente, a parte frontal mostrava uma imensa rachadura.

Fonte: Da Redação

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x